Professores protestam contra votação que determina educação como atividade essencial

Vereadores de Curitiba votam um projeto que transforma a educação em atividade essencial. Desde o início do dia professores e sindicatos protestam contra  a votação em frente o prédio da Câmara Municipal, alegando ser muito perigoso esse novo modelo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *