Goleiro de Aluguel – Do hobby ao empreendedorismo.

Quem nunca marcou uma pelada com os amigos e na hora do jogo faltou alguém? E parece que é sempre o goleiro não é mesmo?

Diante disso, Samuel Toaldo, que era apaixonado por futebol aliou a paixão a uma crise financeira e criou a Goleiro de Aluguel.

O primeiro contato de Samuel Toaldo com o futebol foi na copa do Mundo, depois disso Toaldo começou a sonhar em ser jogador e entrou na escolinha, mas como não levava muito jeito seu pai pediu para o treinador coloca-lo no gol para que não atrapalhasse ninguém e é ai que começa a história de Samuel com as traves.

Depois de crescido, o sonho de jogador foi ficando mais distante e então resolveu cursar informática, levando em consideração o conselho de sua mãe que dizia que quem sabia “mexer “em computador nunca ficaria sem trabalho.

Logo após terminar o curso, o seu objetivo já tinha mudado, Toaldo agora queria ser físico e ingressou na faculdade no curso de Física, mas descobriu que não amava aquilo e se tornou um estudando frustrado.

Depois de trabalhar com muitos bicos, Samuel resolveu abrir sua própria empresa para prestar serviços de TI, como não fazia ideia de como administrar uma empresa 1 ano após a abertura as dividas já beiravam os 100.000 reais, depois de entrar em uma depressão por conta das dívidas, Samuel voltou a morar com a mãe em Campo Magro.

Um dia conversando com um amigo ele soltou a seguinte frase, “ Samu, você não é nenhum craque jogando futebol, só te chamam pra jogar todos os dias porque você é goleiro, ninguém gosta de ficar tomando bolada!”

E foi aí que aquele momento se tornou o ponto de virada na vida desse empreendedor, ele então criou uma página no facebook, colocou uma foto qualquer, não muito tempo depois Samuel foi chamado para ser goleiro e foi pago pela primeira vez.

Samuel considera que o maior desafio nesse caminho todo foi começar totalmente sozinho, e receber muitos nãos e chacotas das pessoas.

“É curioso como nunca cogitei parar, só segui em frente e fiz tudo que estava ao meu alcance, gastando o mínimo possível.”

O goleiro afirma que teve problemas com a tributação, mas que entrou no jogo sabendo disso e que sempre foi assim em contrapartida diz que os bancos virtuais estão facilitando um pouco mais para novas empresas.

“Para os empreendedores, não importa a área de atuação, é necessário que você calce suas luvas e chuteiras, entrando no campo para jogar, se sujar e se machucar, não existe nada melhor quando está começando que conhecer seus clientes de perto, a guia do que é certo ou errado será fornecida por eles, mesmo que inconsciente.”

Samuel também deixa um recado para os estudantes que estão pensando em um dia empreender.

“Para os estudantes, não existe receita mágica como é prometido por alguns coaching em seus cursos, caminhos para serem seguidos são vários e não posso afirmar qual é o correto ou mais fácil, mas é possível sim reduzir as chances de erro. Conversem com pessoas mais experientes, não custa nada. Utilizem a internet para aprender, use e abuse de ferramentas gratuitas para validar sua intenção de negócio.”

Junte-se a nós, compartilhe suas ideias e torne-se uma autoridade. A Comunidade Empreendedora tem os melhores mentores com as melhores experiências para compartilhar com você. Participe agora e trabalhe o perfil empreendedor para o seu negócio. E aproveite, quanto mais você trabalhar pelo seu negócio, maior será a sua recompensa. Siga nossa Trilha do Sucesso e torne-se um empreendedor de destaque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *